Blog

7 Passos Para Regular a Ansiedade

Sabia que 1 em cada 6 portugueses sofre de ansiedade? Entenda melhor este distúrbio e saiba como o pode regular.

O que é a ansiedade?

 

A ansiedade é um estado de agitação interior, em que existe uma preocupação constante com o que poderá acontecer. Esta situação gera momentos de grande nervosismo e medo, criando muita instabilidade e uma grande dificuldade em regular todas estas sensações que surgem.

Na verdade, a ansiedade é algo bastante comum e natural, vivenciado por uma grande parte das pessoas em algum momento da sua vida, e tem até pontos positivos. Quanto sentimos medo ou vivemos uma situação de ameaça, isso faz com que estejamos mais alerta e mais facilmente adotemos comportamentos que nos protegem.

No entanto, quando a ansiedade é vivida de forma tão intensa que interfere com a nossa vida, ela pode ter consequências negativas.

Portanto, não é a ansiedade em si que faz adoecer, mas sim a sua falta de regulação. É a dificuldade em gerir todas estas emoções que tem um impacto negativo na sua saúde, física e mental.

Não é a ansiedade em si que faz adoecer, mas sim a sua falta de regulação.

Ansiedade em Portugal

 

Portugal é o quinto país da OCDE (Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Económico) com o maior consumo de antidepressivos e ansiolíticos.

Nos primeiros três meses de 2020, venderam-se mais 400 mil embalagens destes medicamentos, comparativamente ao mesmo período do ano anterior.

Ansiedade e a pandemia

 

Se antes de 2020 lhe dissessem que, não um país, não uma cidade, mas que o mundo inteiro ia parar, íamos ficar fechados em casa meses e meses, com lojas fechadas, escolas fechadas, empresas fechadas, acreditava? Provavelmente não.

O impacto da covid-19 na sociedade, economia e saúde mental está a ser muito maior do que qualquer um de nós poderia sequer imaginar, com muitos meses de incerteza, estado de alerta constante, medo e falta de controlo.

 

 

blog-7-passos-para-regular-a-ansiedade.jpg

 

 

Sintomas

 

A ansiedade pode ter diversos sintomas, dependendo da sua intensidade e de cada pessoa. Alguns exemplos são:

Sintomas físicos:

– Falta de ar

– Tensão muscular

– Náuseas e vómitos

– Dificuldade em adormecer / insónias

– Aperto no peito

– Problemas gastrointestinais

Sintomas psicológicos:

– Dificuldade em concentrar-se

– Medo constante

– Dificuldade em relaxar (sensação de alerta constante)

– Irritabilidade

– Isolamento social

Como lidar com a ansiedade?

 

Não há uma resposta fechada para essa pergunta. O que funciona com uma pessoa, pode não funcionar com outra. No entanto, deixamos-lhe 7 passos para ajudar a lidar melhor com este estado.

1.       Concentre-se no momento presente

Não é um exercício fácil, pois estamos habituados a viver no passado ou no futuro, mas concentrar-se na preparação da sua refeição ou na leitura de um livro, por exemplo, ajuda a reduzir os níveis de ansiedade.

2.       Desabafe

Não é fácil nos vulnerabilizarmos, mas é em alturas mais difíceis que devemos apoiar-nos em pessoas da nossa confiança, sejam familiares ou amigos. Partilhar a dor ajuda a diminui-la.

3.     Tenha atenção aos conteúdos que consome

Alguns conteúdos – noticiosos ou nas redes sociais – podem aumentar os níveis de ansiedade no organismo (por exemplo, em contexto pandémico). Escolha um ou dois momentos no dia para se atualizar, privilegiando fontes de informação credíveis. No que diz respeito às redes sociais, deixe de seguir contas que não lhe fazem bem.

4.       Foque-se naquilo que consegue controlar

Não pode prever o futuro, mas pode definir o que vai jantar hoje. Foque-se naquilo que está ao seu alcance, pequenas coisas que vão tornar a sua rotina mais agradável e menos pesada.

5.       Escreva o que sente

O journaling é uma atividade que tem ganho muito destaque nos últimos anos. É uma espécie de diário, onde pode escrever sobre as suas preocupações, pensamentos, sonhos, objetivos, etc., promovendo um maior autoconhecimento.

6.       Faça coisas que gosta

Fazer uma caminhada, ver uma série, pintar ou, quem sabe, aprender uma nova atividade!

7.       Procure apoio profissional

Um psicólogo é um excelente recurso para ajudar na regulação da sua ansiedade, dando-lhe várias ferramentas para lidar com situações adversas.

Episódios de ansiedade são muito mais comuns do que imagina. Importa regular o que sente, aceitando todas as suas emoções, sem julgamentos ou vergonha.

TEM DÚVIDAS?

Deixe-nos uma mensagem







Li e aceito a Política de Privacidade